Como fazer a gestão de pequenas empresas

Manter um negócio vivo em um cenário altamente competitivo não é tarefa fácil. Engana-se quem pensa que, para alcançar o sucesso, basta oferecer um bom produto ou serviço e criar ações de marketing eficientes para divulgá-lo. Claro que essas são estratégias essenciais, mas o trabalha vai muito além.

O desenvolvimento e crescimento das pequenas empresas dependem também de uma boa gestão empresarial. Por meio dela, é possível criar processos bem estruturados, planejamento estratégico, melhorar a eficácia das atividades operacionais, ter controle financeiro e conhecer profundamente a realidade do negócio e do mercado. Só assim será possível identificar falhas, implementar melhorias e buscar o sucesso que você tanto deseja.

Como são responsabilidades complexas e burocráticas, selecionamos algumas dicas que podem ajudá-lo nesse processo. Confira a seguir:

1 – Saiba o que está fazendo

O primeiro passo para fazer uma boa gestão de pequenas empresas é conhecer o seu próprio negócio. Você tem de entender as particularidades da sua área de atuação, a situação do mercado, quem são os seus concorrentes e quais estratégias estão usando para atrair mais clientes.

Com essas informações em mãos, você deve criar um planejamento estratégico. Para isso, defina quais são os seus objetivos enquanto empresário e trace metas para alcançá-los. Uma boa alternativa nessa etapa é dividir a sua super meta em metas menores. Por exemplo, se você quer vender R$ 300 mil no ano, terá de vender R$ 25 mil por mês e, considerando que um mês tem 30 dias, R$ 833 por dia.

Essa é uma forma de avaliar se o objetivo estabelecido é realmente alcançável. Afinal, manter os pés no chão e ser realista é de extrema importância nesse momento.

2 – Esteja atento à gestão das finanças

 Essa é uma das dicas mais importantes. Organizar e gerenciar as finanças das pequenas empresas é essencial para manter a saúde financeira do negócio. Portanto, tenha tudo registrado: contas a pagar e receber, fluxo de caixa, despesas com folha de pagamento, tributos e novos investimentos.

Faça também um planejamento tributário bem estruturado para reduzir a carga de impostos pagas pela empresa. Como é uma tarefa técnica e burocrática, tenha ao seu lado um contador experiente no assunto, que esteja atualizado a respeito das mudanças diárias da legislação brasileira.

3 – Mantenha todas as informações bem organizadas

É o momento de usar a tecnologia a seu favor. Registre e organize todas as informações mencionadas acima em um software específico para armazenamento das demandas. Uma boa plataforma unifica todos os dados, cruza informações, gera relatórios e, assim, otimiza e facilita todos os processos empresariais.

Experimente nossas ferramentas de Contabilidade Digital.

 4 – Analise os resultados: essa tarefa é essencial na gestão das pequenas empresas

Será que as suas estratégias estão gerando os resultados esperados? As metas traçadas são de fato eficientes ou precisam ser repensadas? As respostas podem ser obtidas por meio de uma avaliação de desempenho. Ela indicará a necessidade de novas ações ou aperfeiçoamento das atuais.

Por meio dos indicadores de performance, que devem ser quantificáveis, você poderá acompanhar o andamento das estratégias e mensurar todos os resultados. Assim, é possível ter uma visão ampla do negócio e, a partir dela, pensar em alternativas para fazer o seu negócio crescer ainda mais.

5 – Conte com o auxílio de uma assessoria especializada em gestão de pequenas empresas

Considere a possibilidade de dividir as responsabilidades com quem entende do assunto. Afinal, não tem como cuidar de todas as áreas da empresa sozinho e ainda ter tempo de criar estratégias e focar no crescimento do negócio, não é mesmo?

Por isso, tenha ao seu lado uma  assessoria experiente em gestão de pequenas empresas. Ela vai fornecer estratégias para o gerenciamento do negócio e tratar com excelência de todas as questões burocráticas que envolvem as áreas fiscal, contábil e pessoal. Vai garantir também que o seu negócio esteja trabalhando de acordo com a lei, cumprindo todas as obrigações.

Se precisar de ajuda, entre em contato com nossos contadores. Este pode ser o grande passo para o sucesso da sua pequena empresa.

Compartilhe nas redes!

Como fazer a gestão de pequenas empresas

    Precisando de ajuda ou quer falar com um especialista? Preencha os campos abaixo!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Rolar para o topo
    Recomendado só para você!
    Para contar a história da HS Contábil, voltemos ao ano…
    shares